Redes sociais, participação e cidadania: tema do 2012 no Parlamento dos Jovens português

telasamigas-ilustracao-netiqueta-04

No final de um dia preenchido com a apresentação e discussão de propostas, foram seleccionadas as cinco escolas que vão representar o distrito de Braga na final do Parlamento dos Jovens que se realiza em Maio, na Assembleia da República em Lisboa.

O Parlamento dos Jovens, iniciativa cuja origem remonta a 1995, é uma organização que envolve o IPJ, o Ministério da Educação e a Assembleia da República. “Redes sociais, participação e cidadania” é o tema deste ano.

Algumas propostas apresentadas pelos estudantes de Braga

  • A criação de uma plataforma aberta/rede social escolar.
  • A promoção de mecanismos de identificação nas redes sociais, tendo em vista o reforço da segurança.
  • Incentivar a participação dos jovens na política através da implementação de medidas como o voto electrónico.
  • Criação de um plano educativo que valorize as redes sociais e que alerte para os perigos da sua utilização. Criação de um livro amarelo sobre as redes sociais.
  • Criação de um dia nacional de sensibilização para os perigos inerentes à utilização das redes sociais.
  • A punição dos responsáveis por práticas de cyberbullying.
  • Proibição de utilização das redes sociais nas escolas.
  • Criação de uma instituição que guarde toda a informação das redes sociais em Portugal; fiscalização dessa informação; e obrigatoriedade do acesso ter de ser feito combinando a identificação fiscal com a identificação do utilizador.

Fonte: CORREIO DO MINHO